Professores dão dicas para provas da Apex-Brasil de nível médio

Professores dão dicas para provas da Apex-Brasil de nível médio

Concurso será em 18 de novembro. O salário é de R$ 2.700,57

A aplicação das provas dos dois editais da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) está a todo o vapor. Ontem (20), foi a vez de candidatos com ensino superior concorrem a 25 vagas, além de cadastro de reserva, para o cargo de analista, com salários acima dos R$ 7,3 mil. Agora, candidatos de nível médio devem continuar estudando para os testes da posição de assistente, que serão em 18 de novembro. No total, são nove vagas efetivas, além de cadastro de reserva, com remuneração de R$ 2.700,57. Os aprovados trabalharão no DF. A banca organizadora é o Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades). Na prova objetiva de assistente, os conhecimentos básicos serão: língua portuguesa, raciocínio lógico e matemático, ética, legislação aplicada aos empregados da Apex-Brasil, redação oficial, microinformática, noções de gestão de projetos, técnicas de negociação e de comunicação. Os conhecimentos específicos envolvem qualidade em prestação de serviços, noções de administração (de RH, financeira, de material e controle patrimonial, de arquivamento e procedimentos administrativos). Confira dicas de professores de três matérias:

Arquivo Pessoal

Legislação aplicada aos empregados da Apex-Brasil

O professor Ismael Noronha, do Gran Cursos Online, observa que, para se sair bem, o ideal é fazer uma leitura da norma. “Quando cai legislação específica, as bancas se concentram na literalidade, ou seja, é preciso realmente ler e saber o conteúdo”, afirma. Quem não tem boa memória pode ter dificuldades. “É o principal elemento que exigirão. O Iades pode fazer pegadinhas e mudar o texto para confundir o concurseiro”, diz. De acordo com ele, fora isso, a disciplina é simples e fácil. É preciso dar especial atenção à Lei nº 10.668/2003 e ao Estatuto Social da Apex. “Essa lei autoriza a criação da Apex pelo Poder Executivo, pois é um serviço social criado pelo governo para incentivar as exportações e investimentos aqui no Brasil. O Estatuto é um instrumento importante, o qual estabeleceu a organização e as competências. E ao ser registrado em cartório, deu caráter de personalidade jurídica à agência”, explica.
Noções de gestão de projetos
Esta disciplina pode ser complexa, mas a descrição do edital da banca não indica um alto nível de cobrança, explica o professor do Estratégia Concursos Rodrigo Rennó. Os assuntos cobrados são mais introdutórios e superficiais. “Neste caso, os candidatos não precisam ter conhecimento aprofundado, mas precisam saber os principais conceitos: diferença entre projetos e operações, fases do projeto, programa, portfólio, entre outros”, afirma. Ele observa que a matéria geralmente pode refletir os conceitos básicos do guia PMBOK (Project Management Body of Knowledge), conjunto de práticas de gestão de projetos feitas pelo Project Management Institute (PMI). De acordo com o professor, há temas que têm mais chances de caírem na prova: ciclo de vida e as competências necessárias para o gerenciamento dos projetos. Segundo ele, a dificuldade desta matéria está no fato de haver muitos conceitos e classificações, e não basta decorar! “Precisamos entender e pensar em casos práticos que facilitem a aprendizagem. Por exemplo, a construção de uma casa pode ser pensada como um projeto. É um esforço temporário e cria um produto único”, sugestiona.
Raciocínio lógico-matemático e microinformática 
Nessa área, não basta estar preparado para os cálculos. A dica principal é saber administrar cada segundo e minuto para a resolução das questões e interpretar os enunciados. “O método mais eficiente é ler superficialmente as questões para ter ideia de quanto tempo levará para respondê-las”, explica o professor do IMP Concursos Helder Monteiro. Os temas que mais devem ser cobrados são: regra de três simples e composta, porcentagem e divisão proporcional. Quanto aos itens relacionados ao uso do computador, apenas saber usar um no dia a dia não será de grande ajuda. “O concurseiro pode encontrar dificuldade naquelas que tratam de aplicações que não fazem parte do cotidiano”, observa o pós-graduado em redes de comunicação pela Faculdade da Grande Fortaleza (FFF) Nathaniel Simch de Morais. “Por exemplo, temos na parte de noções de sistema operacional Windows 7 ou superior. Muitos usuários nunca utilizaram Windows 10. Nesse caso, somente a prática pode ajudar na resolução”, expõe. Há conteúdos que exigem mais cautela. Segundo Nathaniel Simch, a segurança é um tópico bem comentado ultimamente, principalmente após as infecções ocorridas por causa de casos de sequestro digital (ransomware).

Passe bem / Noções de gestão de projetos

A organização Y decidiu implementar um Escritório de Projetos (Project Management Office – PMO). Nesse processo de implementação, a organização definiu como principais características dos projetos:
a) Aleatoriedade
b) Automatização
c) Repetitividade
d) Redundância
e) Temporariedade
Comentário:
De acordo com o Guia PMBOK (Project Management Body of Knowledge), a definição de projeto é: “Um esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou resultado exclusivo”. Desse modo, a temporariedade é, sim, uma característica de todo projeto.
Questão retirada do concurso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), aplicado em 2016 pela FGV Projetos, comentada pelo professor Rodrigo Rennó
Gabarito: letra e
O que diz o edital
Processo seletivo da Apex para assistente de nível médio
Inscrições: Encerradas na quarta-feira (17) no site www.iades.com.br, acesse o edital em http://www.iades.com.br/inscricao/upload/223/2018082020216574.pdf
Vagas: nove + cadastro de reserva
Taxa: R$ 64,22
Provas: 18 de novembro
Local: Brasília

Faça parte do nosso grupo no Facebook, e tenha acesso a várias oportunidades de trabalho e conteúdos que irão te ajudar a alcançar o sucesso profissional:

Para vagas de empregos:

 

Fonte: Correio Web